Topo
3 jun

4 dicas para amenizar o impacto da celulite

A celulite é uma característica comum feminina que afeta cerca de 95% das mulheres após o período de puberdade. Não é considerada uma doença, mas para grande parte das mulheres gera incômodo e insatisfação.

Ora, se é algo em comum para a maioria das mulheres porque não encarar isso da forma mais leve e sem pressão?

Mas, antes de tudo, vamos entender melhor o que é a celulite e suas causas.

A celulite é um deposito de gordura que forma irregularidades e ondulações na epiderme, o famoso aspecto de “casca de laranja”. Sobrepeso, má circulação, gravidez, retenção de líquido, sedentarismo, alterações hormonais e até fatores hereditários são algumas das possíveis causas da celulite.

O aspecto ondulado é mais frequente nas pernas, nádegas, abdômen, quadris e braços. Atinge todos os tipos de mulheres, de diferentes etnias e medidas. Entretanto, apesar de o excesso de gordura  ser considerado uma das possíveis causas para o surgimento de celulites,  não é um fator crucial, já que mulheres magras e com baixa porcentagem de gordura também podem apresentar este quadro.

Confira abaixo as 4 dicas que vão te ajudar quando o assunto é celulite:

Aceitação

A pele lisa e perfeita dos anúncios só existe nos anúncios. Por ser uma característica feminina, a celulite é uma realidade para a maioria das mulheres e seu aparecimento é normal.

Entrar em uma busca desenfreada para ter um corpo sem celulites pode ser frustrante e estressante, por isso muito cuidado ao recorrer a tratamentos estéticos com apelo para resultados milagrosos.

Se hidrate

Beber 2 litros de água por dia podem ajudar na circulação sanguínea e consequentemente ajuda reduzir gordura corporal, o que pode atenuar o problema da celulite.

Hábitos alimentares saudáveis

Evite alimentos gordurosos, açucarados e com alta concentração de sódio. A retenção hídrica responsável pelo surgimento de inchaços e celulites na pele, têm como principal causa o excesso no consumo de sódio.

Tratamentos estéticos

Segundo a SDC (Sociedade Brasileira de Dermatologia) procedimentos como drenagem linfática, radiação infravermelha, radiofrequência, ondas de choque e ultrassom focado, apresentam melhora imediata, mas, em geral, necessitam de constância para resultados eficazes em médio e longo prazo. Outros procedimentos que apresentam melhores respostas temos: radiofrequência invasiva, ácido poliláctico e subcisão (cirurgia).

https://www.sbd.org.br/dermatologia/pele/doencas-e-problemas/celulite/53/

Drenagem linfática é uma aliada para perder medidas, entenda por quê

https://kaliandra.com.br/cuidados-com-pele-para-verao/mulher-bebendo-agua/massagem

https://www.google.com/search?q=alimentos+saudaveis&rlz=1C1SQJL_pt-BRBR856BR856&source=lnms&tbm=isch&sa=X&ved=2ahUKEwjH3Jeev-bpAhWGmuAKHWxSCxwQ_AUoAXoECA0QAw&biw=1536&bih=706#imgrc=BccG_BBMR9hVrM

(Visited 145 times, 1 visits today)
Marcos Proença
Nenhum Comentário

Leave a reply